terça-feira, 18 de dezembro de 2012

ÚLTIMO POST........DO ANO!


São tantas emoções! Como diria Roberto Carlos kkkkk. Eu teria tanta coisa para dizer neste último post do ano, quero dizer algumas, pois outras já disse no post http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br/2012/12/ultima-blogagem-coletiva-do-ano.html.

1ª) Ver meu filho Daniel (eu sei que sempre falo dele) cantando com o Coral Infantil da EMESP no Theatro Municipal de São Paulo, acompanhado da Orquestra Infanto Juvenil da mesma Instituição que ele faz parte, Theatro Municipal, vocês tem noção disso! Grandes nomes da música brasileira pisaram nesse palco!
2ª) O encontro no mesmo dia do Concerto com as blogueiras Joicy Sorciere e Tsu, foi algo maravilhoso, pois como já falei, foi através da Joicy que conheci esse mundo blogosférico. Foi uma amizade que passou do virtual para o real.
                                                              Tsu eu e Joicy
3ª) Meus livros Antologia Escritos Lisérgicos chegaram! Fiquei maravilhada! Todos os escritores estão de parabéns, principalmente o Christian, idealizador do projeto. Ver meu conto escrito num livro, é uma sensação muito boa. Vou ter que pedir mais exemplares kkkkk.

4ª) Fui indicada por 34 amigos blogueiros para o Prêmio Xícara de Ouro, promovida pela inovadora Patrícia Galis do blog Café entre Amigos. Fiquei muito feliz! Obrigada a estes amigos que escolheram meu blog. Obrigada Patricia Galis que foi a 100ª seguidora deste blog, pela iniciativa!
5ª) Por último e não menos importante, quem me conhece, sabe que eu me amarro em números, eu consegui antes do mundo acabar, quer dizer antes do ano acabar kkkkkk, passar de 200 seguidores e a 200ª seguidora é uma poetisa muito simpática, escritora que retribuiu minha visita, e elogiou meu conto. Fiquei feliz, porque ela é autora de vários livros Maria Luisa Adães do blog http://os7degraus.blogspot.com.br/. Eu enviei meu email para ela, para que ela me envie o endereço, caso ela more no Brasil, e eu mandarei um livro muito especial, assim como fiz com a Patrícia Galis.


Queridos amigos, fico por aqui, dizendo que passei momentos muito felizes com vocês, aprendi muito, desde que comecei o blog em março desse ano, agora, a partir de hoje vou dar uma pausa para férias, voltarei na segunda quinzena de janeiro, talvez nessas férias eu conheça mais alguns blogueiros pessoalmente, e visite outros que já tenha conhecido. Desejo não só um feliz natal, mas um ano novo cheio de esperanças, sonhos, tudo debaixo das muitas bençãos de Deus para todos nós!




sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

O presente de Juliano






Maria Eduarda e Rafael foram apresentados por amigos em comum, no começo ficaram meio constrangidos, mas perceberam que tinham várias afinidades, depois do primeiro encontro, vieram muitos. Até que Rafael a pediu em casamento, da maneira mais romântica possível, de joelhos, num restaurante chique, ao som de um piano. Ela disse sim! E casaram um ano após terem se conhecido.
Ele trabalhava como programador numa grande empresa e ela como publicitária. Viviam felizes como casal e após três anos de casados decidiram ter o primeiro filho, pois já tinham conhecido vários lugares viajando, tinham estabilidade financeira, casa própria, só faltava um filho, além disso Maria Eduarda já estava com trinta anos, e eles programavam ter dois filhos, não queriam esperar mais, a vida não poderia estar mais perfeita para ambos.
Um menino! Nasceu Juliano, com muita saúde e era parecido com cada um dos pais. A alegria contagiou o lar! Juliano ia crescendo, mas à medida que ele crescia, seus pais iam se distanciando um do outro.
Rafael passava mais tempo na empresa do que em casa, Maria Eduarda também não dava muita atenção para Juliano, mesmo assim eles passavam os finais de semana juntos, iam ao Shopping, procuravam fazer o que seria o melhor para o filho. Não faltavam presentes para ele, todos os brinquedos que passavam na TV ele tinha, estudava no melhor colégio da cidade, seus pais tentavam compensar com coisas materiais, mesmo que inconsciente a falta deles na vida diária do filho.
Porém, a rotina e o afastamento foram mais fortes do que o amor que Maria Eduarda e Rafael um dia haviam sentido. As brigas se tornaram constantes, Rafael bebia sempre e era quase agressivo com Maria Eduarda. Ela pediu o divórcio, ele não queria, argumentou que não era bom para o filho, que estava com seis anos, mas ela estava irredutível!
Juliano escutou tudo de seu quarto e escreveu a seguinte carta para o Papai Noel: “Querido Papai Noel, eu sei que o Senhor é muito ocupado com muitas crianças pedindo muitas coisas no Natal, se o Senhor receber esta carta e fizer o que eu pedir, eu vou acreditar que o Senhor existe, mesmo que muitas pessoas como a vovó, dizem que o Senhor não existe. Eu só gostaria meu pai e minha mãe não brigassem mais. Eu acho que a culpa é minha, eu não sei porque eles brigam tanto, e agora o papai vai embora de casa. Ele é tão legal, quando está em casa ele lê histórias para eu dormir e me ensina coisas bem legais, eu não quero que ele vá embora de casa. Por favor Papai Noel, de presente de Natal eu quero que o Senhor traga meu pai de volta. Ass. Juliano Rodrigues.”
Rafael foi embora, para casa de um amigo, mas não era o que ele queria, e no fundo, não era o que Maria Eduarda queria também, mas ambos não queriam ceder, o divórcio parecia algo inevitável.
Juliano pediu para a funcionária que cuidava dele, Fátima, que levasse a carta até os Correios, porque ele pensou que de lá eles enviavam a carta até o Papai Noel. Fátima não se segurou e leu a carta, as lágrimas escorriam de seu rosto, quando viu as palavras de Juliano, pois ela o amava, cuidava dele desde que havia nascido, mas não contou nada aos patrões.
Os dias foram passando e nada tinha acontecido, Juliano estava ficando impaciente, pois o Natal já estava chegando.
_ Você colocou a minha carta direitinho Fátima? Perguntou ele.
_ É claro Juliano! Não se preocupe que o Papai Noel é muito ocupado mesmo. Respondeu Fátima.
Quando chegou a véspera de Natal, Maria Eduarda aprontou a mesa, seus pais viriam para a ceia, e Juliano estava mais ansioso do que o costume.
_ O que está acontecendo meu filho?
_ Nada mãe, só estou preocupado se o papai vem trazer o meu presente.
_ É claro que ele vem filho, ele prometeu.
Mas Rafael não chegava. Eles jantaram. E Rafael não chegou.
Os pais de Maria Eduarda foram embora e Juliano foi dormir desolado, por não ter seu pedido respondido.
Quando Maria Eduarda ia se deitar a campainha tocou. Era Rafael.
_ O que você veio fazer aqui a essa hora Rafael? – perguntou ela
_ Não fale nada por favor, só me deixe falar um pouco.
Ele falou que estava na filial em Dubai, e que os aeroportos estavam todos cheios nessa época do ano, por isso só conseguiu chegar naquela hora, ele tinha vindo direto do Aeroporto, e o quanto ele sentiu a falta dela e de Juliano, e de que não poderia viver sem os dois em sua vida. Pediu uma segunda chance, com um lindo anel de brilhante para ela e um brinquedo para Juliano.
Maria Eduarda, que também sentira a falta de Rafael, resolveu dar uma segunda chance. Tiveram uma noite maravilhosa de amor e prazer.
De manhã Juliano se levantou e foi no quarto da mãe dar bom dia, quando teve uma grande surpresa, seu presente não estava na árvore de Natal, estava ali na cama dos pais, Maria Eduarda e Rafael sorriram constrangidos, e depois os três gargalharam de felicidade. A alegria voltou a reinar no lar dos Rodrigues.

 

 



quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

ÚLTIMA BLOGAGEM COLETIVA DO ANO


Acordei hoje com uma vontade de fazer uma retrospectiva no blog, e quando entro no facebook, vejo essa chamada da Patricia Galis do blog www.cafeentreamigos.com, adoro BCs, e já tinha isso em mente, então decidi não ficar fora dessa!
O ano de 2012 foi MARAVILHOSO! Bem diferente do ano passado, quando a bipolaridade me atacou, eu me dei por vencida, mas como diz a Bíblia: "O choro pode durar uma noite (ou um ano), mas a alegria vem pela manhã.

Começou com meu retorno ao trabalho, eu sou do tipo bem ativa, depois de quase um ano afastada do trabalho por causa do transtorno eu voltei a trabalhar, isso fez minha auto estima subir, e as finanças da casa também kkkkkkk;

Meu filho Daniel com onze anos na época passou em primeiro lugar para estudar flauta transversal numa da melhores escolas de música do Brasil, na época era EMM agora é EMESP, ele competiu com 175 pessoas de 9 a 30 anos e passou em 1º lugar. No dia em que fiquei sabendo do resultado, nem consegui almoçar de tanta emoção! Segue o vídeo que a TV Tribuna, filial da Rede Globo fez a matéria com ele, porque ele ele foi o mais jovem da região a passar nessa conceituada escola.

Agradeço a Joicy Sorcière do blog Umas e Outras, foi lá que eu comentei e fui muito bem recebida por ela, daí eu não parei de comentar e comecei a gostar de blogs. Agradeço a Cissa Ana Cecília Romeu do blog Humor em Conto que me incentivou, hoje eu tenho um blog graças a ela, e a  Luciana Santa Rita do blog Navegando no Cotidiano, que sempre tem sido paciente comigo desde o início do blog desenvolvemos uma amizade muito legal, nos falamos sempre pelo facebook e msg do celular. Comecei o blog em março deste ano para  ajudar pessoas com transtorno, mas eu é quem tenho sido ajudada, por ter conhecido pessoas tão maravilhosas, sinceras, com comentários tão encantadores, fiz amigos que considero mais que virtuais,  os comentários nos últimos posts foram muito importantes e demonstraram o carinho de muitos amigos virtuais. Enfim, agradeço a todos os amigos que leêm e não comentam, e aos blogueiros que comentam, tem os que são fiéis, tem os esporádicos, mas são importantes também. Agradeço minha amiga de trabalho Fatima que sempre comenta e incentiva meus escritos. Sintam-se abraçados!


Quero a agradecer ao parceirão Christian V. Louis do blog escritos lisérgicos por ter acreditado não só em mim, mas em outros blogueiros e ter publicado um livro com nossos escritos. Quem quiser comprá-lo, é só clicar em cima da foto que está na lateral esquerda do meu blog. Chris você só tem a idade que diz ter mesmo? kkkkkk. Quando tiver a minha idade já vai ter escrito um best seller, com certeza. Você merece tudo de bom, por ter proporcionado uma alegria tão grande a todos nós!


Quando comecei o ano, era só uma bipolar no meio da multidão, agora termino o ano, com um filho caminhando para ser um grande músico, descobri minha paixão pela escrita através do blog, e já tenho um conto publicado em um livro. Acho que está muito bom! O mais importante é que minha família continua unida.

Beijão a todos. E que o ano de 2013 seja abençoado para todos!


terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Meme dos Onze



Eu já havia feito um meme semelhante logo no começo do meu blog em março deste ano, mas recebi novamente do amigo Live do blog http://live28-blogdosamigos.blogspot.com.br/ o mês passado, mas como eu já disse aqui, passei por problemas particulares muito difíceis, que dificultaram que eu o fizesse, mas se tem uma coisa que eu aprendi a gostar como blogueira depois de blogagem coletiva é meme, e é claro de receber selos kkkkkk. Então lá vai, as regras são simples. Escrever onze coisas aleatórias sobre mim:

1) Eu odeio cigarro, não consigo ficar perto de quem está fumando;
2) Amo a natureza, até meus filhos também preferem uma cachoeira do que um shopping ou praia;
3) Não suporto aquelas pessoas que colocam música alta, seja em casa ou no carro, e parece que quanto mais a pessoa tem um gosto péssimo para música, pelo menos para o meu conceito, mais alto ela tem que ouvir kkkkkkk;
4) Não gosto dos lanches do Mc Donalds, até como, mas parece que você está comendo isopor, a única coisa que eu gosto de lá é o sorvete e a casquinha, os outros eu não curto também;
5) Gosto de filme de comédia, é meu gênero favorito;
6) Sou muito pontual, pontualidade britânica, então não gosto que me façam esperar, fico bem nervosa com isso;
7) Evito multidão, fico quase sem conseguir respirar, não vou a shows, nenhum lugar que eu saiba que esteja lotado e abafado;
8) Eu não tomo café depois das 19:00 horas, senão eu tenho dificuldades para dormir;
9) Faço amizades muito fácil, vivo intensamente, mas já me desiludi tanto que não crio expectativas, meu lema é carpie diem;
10) Tenho uma mania de ficar cantando só o refrão de alguma música, deixo quem está do meu lado, meus colegas de trabalho, ou meu filho malucos kkkkkk, canto até a exaustão.
11) Não menos importante, adoro correr na praia, é um dos meus momentos preferidos do dia, logo pela manhã, eu entro em sintonia com Deus e consigo, ao correr colocar prá fora todos os meus nervosos, tudo que eu não gostei. Não sei como tem alguém que olha para o mar e consegue não acreditar em Deus.

Agora vou responder as perguntas que o Live me enviou.

1° -  Neste preciso momento é feliz ?
Sim, estou feliz, há uma semana atrás não estava, mas agora voltei a estar.

2° - Algo que faz todos os dias ?
Eu digo eu te amo para meus filhos

3° - Seu desporto preferido ?
Meu querido, não entendi muito a pergunta, mas acho que é esporte? Gosto de vôlei.

4° - Cidade ou campo ?
Gosto dos dois, moro na cidade, mas sempre que posso vou para o campo

5° - Prato preferido ?
lasanha

6° - Se pode-se mudaria a sua idade ?
eu não me trocaria por duas de 18, até porque não encontraria duas que gostariam de trocar kkkkk

7° - Algo que você quer que aconteça ainda hoje ?
um jantar romântico com meu marido

8° - O filme que mais a/o marcou ?
Patch Adams

9° - Algo que nunca recebeu mas gostava de receber ?
é uma viagem a Buenos Aires
10° - Maior loucura que jà fez em sua vida ?
kkkkk, pegar uma suíte mais cara de frente para o mar no hotel mais caro em uma cidade aqui perto da minha cidade
11° - Construa uma frase de 5 palavras que faça rir ;)
Meu marido sempre pergunta que polo estou. kkkkkkk

Como é minha política e também estamos no final do ano, os amigos estão saindo de férias, não vou repassar o meme.
Deixo para você Live, que gosta de tocar piano, e para todos os amigos, meu filho Daniel tocando flauta transversal, com um amigo pianista Fernando, num dos primeiros recitais dele, ele tinha só oito anos, agora está com doze.
Bjos a todos. Obrigada mais uma vez pelas palavras de carinho. Desculpe pela demora Live.


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Pequenas Felicidades - Blogagem Coletiva

Eu disse que quando retomasse minha atividade blogosférica eu iria fazer o meme que o amigo Live me indicou, vou fazê-lo, mas gostaria de fazer este post em agradecimento aos amigos e para registrar um momento que não queria deixar passar. Essa blogagem é promovida pela Rita do blog http://www.botoezinhos.com/.
Quero começar dizendo que uma grande felicidade foi ter feito tantos amigos virtuais na blogosfera, que me deram tanto apoio no último post, foram mais de 30 comentários, mais de trinta pessoas que se preocuparam comigo, dentre elas, só a Fatima e a Teresa que me conhecem pessoalmente. Muito obrigada, de coração. Estava, e estou ainda passando uma fase difícil na minha vida, e quando um bipolar, sem mimimi, passa uma fase difícil na vida, dificuldade=crise=descompensação do humor = euforia depois depressão, é mais ou menos assim que funciona a mente bipolar, mas este post não é para dizer coisas tristes e sim coisas boas, então a primeira coisa boa é essa, poder contar com pessoas que nem me conhecem me dizendo: Conta comigo! E acreditem, os comentários me ajudaram muito, além de algumas conversas in box que tive no facebook. Obrigada amigos! Posso chamá-los assim, porque é isso que os amigos fazem, ajudam os outros na fase difícil, e tenham paciência, porque eu estou desanimada, não estou com pegada para visitá-los, mas aos poucos vou retomando minhas visitas aos blogs tão interessantes, dos amigos que tanto gosto.
Fiquei sabendo hoje que saiu o livro que o amigo Christian do blog Escritos Lisérgicos fez com tanto carinho, a capa ficou linda! Lá tem um conto que eu escrevi no mês passado, e mais vários contos, crônicas e poemas de amigos. Fiquei feliz! Quem quiser adquirir um exemplar é só entrar no blog do Chris http://escritoslisergicos.blogspot.com.br/2012/12/1-antologia-escritos-lisergicos-de-natal.html?spref=fb


Uma coisa muito legal que aconteceu essa semana foi a inauguração oficial, já que eles já estavam tendo aula, no novo prédio na Escola de Música do Estado de São Paulo, com a presença do prefeito de São Paulo, Kassab, onde meu filho Daniel estuda flauta transversal se apresentou, foi uma emoção muito grande, pois ele era o mais jovem da turma, com apenas doze anos. Tenho certeza que ele vai longe!

                                                  Daniel meu filho, o menor da turma

                                                         Daniel e o Prefeito Kassab

                                                Daniel e seu mestre/professor Wilson

                              Daniel com João Luiz (ex aluno) e Ananias (flautista da OSESP)

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Um castelo na areia






Era uma vez duas crianças, elas estavam felizes, não, elas eram felizes, construindo um belo castelo na areia, um lindo castelo, demoraram horas construindo o castelo, pensaram em todos os detalhes, fizeram planos em como seriam felizes morando no castelo. Afinal, é o que as crianças fazem de melhor, sonhar! Quando o castelo estava realmente lindo, e elas estavam aproveitando a melhor vista do castelo, veio uma onda enorme e derrubou o castelo!
O estrago foi bem grande, elas choraram, os adultos tentaram consolá-las, mas não tinha mais como refazer o castelo. Elas até fizeram outro, ficou bonitinho, mas o primeiro castelo, aquele foi único e precioso para as crianças, aquele não tinha como  ser refeito, nada seria como antes.





Amigos, sei que estou e estarei um pouco ausente dos blogs de vocês, por problemas particulares, quando voltar eu faço o meme que o amigo Live me enviou, não estou com cabeça para isso agora.
Bjos. Fiquem com Deus!

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Blogagem Coletiva - O que ficou de fora do Blog


Estou chegando um pouco atrasada para esta blogagem coletiva, pois eu tinha que ter postado ontem (domingo), mas eu tive um dia muito agitado e realmente não deu tempo, por isso estou postando hoje, essa blogagem coletiva está sendo promovida pela Nadia do blog http://www.mamaenadia.com. Fiquei sabendo dela através do blog da minha amiga Kellen do blog Trilamarupiara, e meus dedos já começaram a coçar kkkkkkk, eu adoro BC. 
O ano de 2011 não foi nada fácil, já falei aqui no Blog, está empatado com o pior ano da minha vida, mas aos poucos fui me reerguendo e no final do ano fizemos uma viagem muito gostosa em família para Águas de São Pedro, onde todos pudemos relaxar daquele ano tenso para todos, ficamos na Colônia de Férias dos Funcionários Públicos que eu sou sócia, os meninos se divertiram muito! Eu e o Marcos descansamos, pois tinham monitores para as crianças, a comida era ótima, não dava nem tempo de ter fome kkkkk, era café da manhã, almoço, chá da tarde na piscina, depois jantar. Dentro da Colônia tinha um balneário, onde eu, o Marcos e o Fernandinho fizemos um banho, mas percebi que sou alérgica, fiquei toda empipocada kkkkk.
Valeu muito mesmo essa viagem, ficou marcada em nossas memórias. A cidade é pequena com aproximadamente 3 mil habitantes, mas é uma gracinha! E tem um parque aquático bem legal também.
Essa viagem em dezembro de 2011 já estava anunciando que 2012 seria esse ano maravilhoso, e imensamente melhor que o passado.
                        Daniel e a galera que estava na Colônia 

                         Daniel tirando foto em baixo d'água
                     vista panorâmica do nosso apartamento
                 o pulo dos irmãos Daniel e Fernando
                           Fernandinho em baixo d'água
             famoso beijo sanduíche na mamãe na Pracinha
                 Marcos, Daniel e Fernando no Parque Aquático
                Daniel escorregando no Parque Aquático
                 Esse Fernandinho não é uma graça?!
           É claro que o Daniel tocou, e eu babando sempre!
               Fernandinho fazendo banho no Balneário



Essa foi minha participação na BC o que ficou de fora do Blog promovida pela Nadia.
Bjos. a todos. Fiquem com Deus!

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Blogagem Coletiva - Pequenas Felicidades

Quem acompanha meu blog já sabe que eu adoro Blogagem coletiva, é uma forma de interagir com outros blogueiros, e esse tema proposto pela Rita do blog http://www.botoezinhos.com/ é muito interessante, contar coisas legais que se passaram na semana. Nossa semana é tão corrida e deixamos passar diante de nossos olhos pequenas coisas que nos fizeram felizes, nem seja por um instante.
Meu ponto alto foi o feriado aqui no estado de São Paulo na terça feira, dia da Consciência Negra, como caiu numa terça e eu tive que dar plantão até as 13;00 horas, fomos para a Colônia de Férias dos Funcionários Públicos que abriu recentemente em Itanhaém, o Daniel e o Fernando se divertiram muito, ficaram na piscina até as 19:00 horas, enquanto isso, eu os deixei com o Marcos e fui caminhar na praia, já que a Colônia fica a beira mar. Caminhar na praia é uma das coisas que mais gosto de fazer, dá para pensar, falar com Deus, é tudo de bom! Depois fomos comer no Subway, demos uma volta na cidade, como eu gosto de fazer, dar uma de turista kkkkkk, e visitamos a Lojas Americanas que acabou de abrir, eu comprei um dos lançamentos do meu autor favorito Nicholas Sparcks " Um Porto Seguro", fiquei muito feliz!
Depois o resto da semana foi a mesma rotina de sempre, trabalhar, entrar no meu e nos outros blogs, organizar as coisas em casa.

                                  Daniel (mais velho) e Fernando (mais novo) na piscina da colônia

                                                         o livro que eu comprei
                                                   

Essa foi minha primeira, espero que de muitas participações da BC Pequenas Felicidades do Blog Botõezinhos da Rita.
Beijos. Fiquem com Deus!

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Sem olhar para trás


Olho pela janela do meu quarto, pelo menos tem uma bela vista! Quanto tempo já se passou? Será que foi um sonho? Será que fui eu mesma que vivi tudo isso?
Por um momento tudo parece um sonho mas é realidade, estou com noventa e três anos de idade, internada numa dessas clínicas para idosos, não consigo fazer praticamente nada sozinha, tomo milhares de remédios, não tenho parentes, e os amigos são esses idosos que estão na mesma situação que eu, só me resta esperar por "ela", a morte, mas ela está demorando. Uma coisa eu não posso negar, eu vivi grandes emoções! Alguém pode me julgar pelas escolhas que fiz, mas tudo tem um preço, e eu já paguei todo o preço, ainda estou pagando.
Deixa ver se eu me lembro. Eu tinha trinta e cinco anos, tinha um casal de filhos, lindos, mas que brigavam o tempo todo, um emprego que detestava, e o casamento não ia nada bem. A maioria das mulheres dá conta muito bem de tudo isso, mas eu não consegui, podem me chamar de covarde, mas eu sumi. Simplesmente comprei uma passagem de avião, peguei umas economias e abandonei tudo, sem olhar para trás, para o que eles significavam para mim.
Chorei por muitas noites com saudades dos meus filhos, imaginando como eles estavam, sabia que estavam sofrendo, e que o que tinha feito tinha afetado a vida deles, mas sabia que não tinha volta. Só liguei uma vez para dizer que estava tudo bem comigo, nunca mais falei com eles.
Sofri muito, mas me levantei, a escolha tinha sido minha, trabalhei como ambulante, lá conversando com os turistas, conheci o Thomas, um gringo que estava no Brasil, ele era separado também, ele percebeu que eu não era só uma ambulante, mas sabia inglês, tinha uma boa conversa. Foi algo igual a paixão de adolescente, eu já estava na chuva, então me molhei. Fui com ele para os Estados Unidos, e fiquei por lá longos anos.
Fui feliz ao lado dele, ele já tinha filhos então não queria mais, como eu já tinha tido experiência de ter sido mãe e não ter dado conta, éramos só nós, até que um câncer o atingiu.
Mas ele me deixou bem confortável financeiramente, deixou um testamento. Então eu voltei para o Brasil, vivi mais alguns anos muito bem, mas sempre com o vazio no meu coração da minha família.
Quando a velhice chegou eu mesma me internei nessa clínica, agora só estou esperando por "ela". Puxa, essa história toda me deixou cansada. Com certeza não sou mais aquela moça que fez tudo isso. Vou me deitar.




Olá amigos . Faz um tempo que eu não escrevia um conto. Espero que tenham gostado. Bjos. Fiquem com Deus!

domingo, 18 de novembro de 2012

Blogagem coletiva - A inveja mata!


Voltando de viagem e já fazendo o meu post como eu havia prometido, durante a semana eu coloco as visitas aos amigos em dia, pelo menos vou tentar kkkkkkkk.
Bom, já deu para perceber que eu realmente gosto de blogagem coletiva kkkkkkkk. Estou participando de mais uma, desta vez organizada pela querida Alê Lemos do blog http://www.diariosdebordo-2.blogspot.com.br, sobre um tema muito atual que com certeza já afetou todos nós de uma maneira direta ou indireta em nossa vida, mas que na verdade é antigo!
A inveja é algo tão antigo quanto a existência da humanidade. Vou contar a história de dois irmãos, um se chamava Abel, e o outro Caim. Abel era pastor de ovelhas, ele cuidava de ovelhas, enquanto seu irmão Caim era agricultor, cuidava da terra. Eles era filhos dos primeiro casal Adão e Eva. Um dia eles foram fazer suas oferendas a Deus, naquela época Deus falava com os humanos, Abel matou uma ovelhinha e ofereceu a Deus, e Deus se agradou do seu sacrifício, enquanto Caim ofereceu sua oferta de qualquer jeito e Deus rejeitou sua oferta, ele ficou muito bravo! Deus o reprendeu na hora, dizendo mais ou menos assim: _ Porque  você não fez do jeito certo? Agora você fica com essa cara amarrada! Fique esperto que o mal está para te pegar!
Pronto. Caim estava com inveja de Abel porque na cabeça dele Deus gostava mais de seu irmão do que dele.
Um dia Caim chamou Abel para ir para o campo, Abel foi na inocência, e lá Caim o matou, foi o primeiro homicídio que se tem notícia. E na maior cara de pau Caim diz para Deus que não sabe de nada de seu irmão, quando Deus lhe pergunta sobre Abel, mas Deus sabia o que tinha acontecido, e Caim foi amaldiçoado por isso.
Isso tudo que eu contei está na Bíblia, no primeiro livro, o livro de Gênesis, capítulo 4, versículos 1 ao 16.
Nesse caso a inveja realmente matou. 
Já pensou se Deus fizesse justiça nos nossos dias com todas as pessoas invejosas que existem por aí? Hoje em dia Deus é muito mais misericordioso, a Bíblia diz que a sua misericórdia não tem fim, porque o que a gente mais vê são pessoas invejosas, tem gente que tem inveja até da nossa desgraça, quem dirá do nosso sucesso!
Essa foi minha participação na BC "A inveja mata". Espero que tenham gostado. Obrigada  Alê por me deixar participar.
Um grande beijo a todos. Fiquem com Deus!

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Pausa para o Feriadão!



Queridos amigos e seguidores do meu blog, este post é para explicar minha ausência nos blogs que eu sempre estou "batendo o ponto" kkkkkk neste feriado, sempre falei e não canso de falar, que comentar é um prazer para mim. Eu já comentava antes de ser blogueira, eu adoro ser blogueira, mas se tivesse que escolher, eu escolheria em só ficar comentando, porque encontro tanta riqueza naquilo que leio, creio que meu vocabulário evoluiu muito desde que conheci a blogosfera, além de ter feito ótimas amizades.
Estarei ausente, pois viajarei com minha família para visitar meu sogro que mora no interior de São Paulo, é sempre bom para os meninos, ele mora numa chácara, eles tem contato com a natureza, e passear é sempre bom.
Então na segunda, se Deus quiser, voltarei com minhas atividades blogosféricas, estarei participando de uma BC idealizada pela Alê Lemos do blog http://diariosdebordo-2.blogspot.com.br/. Quem quiser participar dessa Blogagem Coletiva, fica a dica.
Beijão a todos. Bom feriado. Fiquem com Deus!

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Selo Aromas



Já falei isso aqui e repito, eu fiz o blog com o intuito de ajudar pessoas portadoras do transtorno, mas no final das contas, eu é quem estou sendo ajudada kkkkk. Desde que comecei o blog tenho conhecido pessoas tão encantadoras, e quando penso que já conheci todas, me surpreendo, conhecendo mais gente muito legal e carinhosa, como é o caso da Mary do blog http://dependentwomen.blogspot.com.br/, eu a visitei, porque todos sabem que eu adoro visitar e comentar em blogs, eu já fazia isso antes de ser blogueira, e tivemos uma empatia muito legal. Ela me ofereceu o "Selo Aromas", eu já havia ganho da Isa, e prometo que até o fim do ano vou organizar todos os selos que ganhei, pois sou muito desorganizada, isso não é segredo para ninguém kkkkkkk. O mais lindo foi o que ela falou de mim:
 O ultimo é para uma pessoa que acaba de chegar no meu blog! 
Super simpática e de bem com a vida, me apaixonei por ela kkk.

Tenho que falar três coisas sobre mim. Difícil né?!
Vou tentar falar algo que ainda não falei sobre mim ainda nesse blog:

1) Se me acordar sem que eu esteja esperando, um exemplo quando eu estou tirando um cochilo a tarde  no final de semana, e sou acordada por um dos meus filhos, eu fico muito, mas muito brava!

2) Pode não parecer, porque eu sempre estou falando dos meus filhos, mas aqui em casa a educação é à moda antiga, eu não dou moleza. Sou uma mãe bem brava. Dou muito carinho, mas tenho pena dos meninos, além de ter que conviver com uma mãe bipolar, eles tem que andar na linha, aqui ainda se usa o bom e velho: por favor, obrigado, e se sair da linha: castigo neles. Neste momento o Daniel está sem vídeo game por ter tirado notas ruins, e olha que ele é um filho notável, quem viu outros posts vai entender o que estou dizendo, mas eu não passo a mão na cabeça, até o Fernandinho também entra no castigo;

3) Eu tenho uma dupla personalidade kkkkkkk, acho que é porque sou bipolar, deixa eu explicar, não é que eu seja falsa, é que algumas pessoas acham, no meu convívio por causa do meu jeito descontraído e brincalhona de ser,  que eu sou meio bobona, e até de irresponsável eu já fui chamada, e eu não faço nada para que isso mude, eu deixo como está, não me importo,  deixo que as pessoas pensem isso de mim, pois sei que sou inteligente e não sou irresponsável, e as pessoas que me conhecem bem sabem disso. Acho que por isso eu gostei tanto daqui, porque aqui sou valorizada por pessoas maravilhosas, pessoas que respeito muito, ótimos blogueiros, por aquilo que escrevo, aqui fiz amizades mais do que virtuais.

Olha Mary, eu já agradeci no seu blog, e agradeço de coração, por você ter me escolhido, mas eu vou quebrar a corrente, pois tenho uma política de não indicar nenhum blog para o selo oferecido, eu gosto de deixar livre, para quem quiser levá-lo. Espero que você não fique chateada comigo.
Beijos. Fiquem com Deus!



domingo, 11 de novembro de 2012

Liberte um livro!


Estou participando dessa que é mais do que uma Blogagem Coletiva é uma inciativa coletiva, pelo que eu saiba, aqui na blogosfera quem "agitou" esse movimento foi a Luma do blog http://luzdeluma.blogspot.com.br, eu achei muito interessante, e decidi participar desde o início, quando fui convidada pelo meu parceiro Christian do blog Escritos Lisérgicos. No começo eu não havia entendido bem kkkkk, mas depois que ele me explicou, eu entendi, eu já tinha até visto uma matéria na TV sobre esse movimento. Você doa um ou mais livros a alguma instituição, ou simplesmente deixa o livro num banco na praça de sua cidade com um bilhete parecido com o que está escrito acima para que a pessoa pegue, sabendo que não está roubando, mas sim sendo agraciada com um livro. 
Estou gostando muito de participar desse movimento porque como já disse aqui no meu blog, comecei a ler tarde, mas gosto muito de ler desde então. "Quem não lê, mal ouve, mal fala, mal vê".
Os livros que vou libertar são Devoção de Dick Hoyt e Don Yaeger, eu já falei sobre a história de vida desse pai aqui, é maravilhoso esse livro, eu o comprei na Bienal do livro, o segundo livro que vou libertar é o Novo Testamento na versão da Linguagem de Hoje, é um livro atual e que todos deveriam ler um dia. O interessante que dos três livros que eu comprei na Bienal eu doei dois, um para a minha querida centésima seguidora Patricia Galis e agora esse que eu já havia lido mas emprestado que me ajudou muito no momento de angústia, creio ambos os livros vão ajudar alguém.
Bjos. Fiquem com Deus.




quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Não é do meu feitio


Estou participando desta Ciranda Interativa, que é como se fosse uma Blogagem Coletiva, organizada pela Calu do blog  http://fractaisdecalu.blogspot.com.br. Achei muito interessante a proposta desta ciranda pois eu ouço este termo "não é do meu feitio" desde que me conheço por gente kkkkk. Minha mãe sempre dizia, quer dizer, sempre diz, porque graças a Deus ela não morreu. Então às vezes eu me pego também falando isso, para mim é normal, mas quando a Calu propôs essa Ciranda, percebi que esse termo não é tão usado assim. A proposta é escrever algo sobre isso. Quando minha mãe diz: Não é do meu feitio, ela sempre está querendo dizer que não do caráter dela fazer algo, não é assim que ela procede constantemente. Então vamos lá. Acho que já disse muito sobre mim no blog, mas talvez haja algo que não foi descoberto kkkkkkk.
Não é do meu feitio mentir, eu sei, que isso é meio mentiroso, mas eu odeio mentira, eu não disse que não minto, mas dificilmente o faço, eu sou humana e imperfeita, mas detesto mentira;
Não é do meu feitio ser organizada, por isso eu não acredito em signo, porque dizem que todo virginiano é organizado, eu sou, e sou um desastre em organização, quando tenho que achar um comprovante de algum pagamento, tenho que procurar, eu sei que está guardado kkkkk, mas não sei onde;
Não é do meu feitio chegar atrasada num compromisso, eu detesto deixar alguém esperando, assim como não gosto de que ninguém me deixe esperando, aprendi isso com meu pai, se a gente marcava para passear as oito na manhã, podia passar as sete e meia, que ele já estava pronto;
Não é do meu feitio chorar em filmes, teve filme tocante, que a lágrima veio até a metade, depois voltou kkkkk. Eu não choro em filmes, não sei porque, é muito difícil;
Não é do meu feitio emprestar coisas, eu não gosto de de emprestar para ninguém, nem de pegar emprestado, a segunda opção eu faço menos ainda, e ensino meus filhos também, porque já reparou como as coisas que a gente empresta geralmente quebra na nossa mão? Eu tenho um lema, se eu não tenho algo, eu fico sem, mas não empresto, só em último caso;
Não é do meu feitio guardar rancor, é mais uma coisa que ninguém vai acreditar kkkkk, mas é sério, minha sábia mãe diz que eu sou igual tico-tico (passarinho), eu caio várias vezes, o passarinho é muito burro, ele cai várias vezes na armadilha e não aprende.
Acho que está bom, já falei demais sobre mim. Um grande beijo a todos. Obrigada Calu por me deixar participar. Fiquem com Deus!

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Dia de pagamento

                                                               imagem extraída da internet


Hoje é o dia do meu pagamento, como todos os meses, ele está completamente comprometido, por isso se chama pagamento kkkkkkkk. É só para pagar as contas, é escola dos meninos, luz, água, telefone, cartão de crédito, etc...
Não estou reclamando, ainda bem que tenho um emprego, um bom emprego, enquanto ainda existem muitos desempregados no Brasil. A questão é que ontem eu estava chateada com algumas coisas, e quando fico chateada, devido a minha baixa tolerância a frustração, acho que é por causa da bipolaridade, acho não, tenho certeza, eu faço algumas coisas diferentes, mas nada de maluco kkkkkkk.
Sentei no banco da praça, no final de tarde, fiquei contemplando a paisagem da minha bela Itanhaém, pensando no dia do pagamento, e o quanto eu sou capitalista, vivemos num mundo capitalista. Reparei em três crianças brincando de esconde-esconde. Como eu desejaria ser uma delas, elas não estavam preocupadas com nada, só em brincar, enquanto eu, preocupada já com o dia seguinte. Estava com isso em mente quando vi uma publicação do meu amigo Paulo Cheng no facebook:" Conversando hoje com um amigo de trabalho sobre sistemas políticos, ele disse uma frase que merece ser reproduzida aqui: "o socialismo só socializa a miséria, e o capitalismo só faz alargar as diferenças", concordo plenamente com ele, infelizmente.
Me lembrei de uma história, não sei por quem foi contada, nem de quem é a autoria, mas é mais ou menos assim: o caipira vivia sua vida tranquila numa casa simples lá no alto da montanha, quando apareceu um homem rico. O homem rico perguntou: - Por que você não vai para a cidade grande, estudar?
O caipira respondeu: _ Para que?
_ Para você ter um bom emprego
_ Para que?
_ para você ganhar bem
_ Para que?
_Para você poder se aposentar e desfrutar da tranquilidade da vida
O caipira virou para o homem rico e respondeu: _ Mas eu já tenho uma vida tranquila aqui!

Beijos a todos. Fiquem com Deus!

domingo, 4 de novembro de 2012

Felicidade em dose dupla

Ontem foi a festa de aniversário dos meus filhos,  o Fernando fez 06 anos no dia de ontem mesmo,  e o Daniel fará 12 no próximo sábado, então para economizar kkkkk, fiz uma festa só. Foi uma tarde maravilhosa em que eles brincaram se divertiram, a família e alguns amigos estavam reunidos. Eles ficaram realmente muito felizes, e eu como mãe também fiquei ao vê-los tão alegres e felizes, porque o Daniel já está saindo da infância, uma fase tão gostosa, eu sabia que era praticamente o último ano em que ele gostaria de festa com "teminha" kkkkkk.
Ao ver meus filhos felizes, pensei no quanto sou abençoada por ser mãe de dois garotos tão maravilhosos como eles são, afinal eles são únicos, é claro! Todos somos únicos. Já falei aqui que quando engravidei dos meus dois filhos não sabia que era portadora da bipolaridade, e sou grata a Deus por isso, porque sou tão feliz com meus filhos, não me imagino sem eles, mesmo que eles me deixem "louca" brigando por nada, cobrando muito de mim, mesmo quando tento ser a melhor mãe que alguém poderia ser, mas sou humana, e sou portadora de um transtorno, ainda que esteja controlado.
Fiquei pensando naquela frase: "ser mãe é padecer no paraíso". Como alguém pode padecer (sofrer)?, no paraíso (lugar muito bom)?, não é um paradoxo? Pois é, assim é a nossa vida, a vida de uma mãe. Desde que soube que estava grávida do Daniel, minha vida jamais foi a mesma! Vieram os enjôos, depois a barriga cresceu de uma maneira tão devagar, que nove meses pareceram 18 meses, no último mês não tinha como dormir direito, até para comer era difícil. Nasceu! Você pensa: Ufa! Começam os choros noturnos, e o bebê não vem com manual de instrução! Mas Deus nos dá um amor tão grande que tudo que parece um fardo, não é realmente confortável, mas não é o fim do mundo!
A criança cresce, e com ela as dificuldades, pois ela é um ser inteligente, no meu caso, muito inteligentes, kkkkk, está sempre te desafiando, e o desafio é educá-la, sem maltratá-la, sem ser omissa, enfim encontrar o equilíbrio, o que dá muito trabalho, mas mesmo assim, o amor pelo filho só vai aumentando a cada dia mais. 
Então a frase "ser mãe é padecer no paraíso" faz todo sentido, pelo menos para mim, porque tem momentos em que padeço, quando eles me desobedecem, quando estão doentes e eu não posso fazer nada, nessa fase em que o Daniel está entrando, mas é o paraíso, como foi o dia de ontem, quando eles me dizem: Eu te amo até a lua ida e volta, ou você é a melhor mãe do mundo, ou simplesmente dão um sorriso, simples, inocente, sem querer nada em troca. Quando o Daniel passou na Escola Municipal de Música de São Paulo aos 11 anos para estudar flauta transversal.
Amo muito minha família!

Abaixo o vídeo que o Daniel deu a entrevista para a TV Tribuna, filial da Rede Globo, espero que assistam!



Antes de encerrar o post quero agradecer a querida Isa E. do blog http://diariode1anobom.blogspot.com.br/, que me ofereceu dois selos muito legais, fiquei muito feliz pela consideração!



Eu teria que indicar outros blogs, mas agora estou adotando a política de deixar livre, quem quiser pode levar os selos, meus amigos blogueiros, espero que a Isa não se importe.